top of page

Siga em paz, Gilsão

Final de domingo você pensa que tudo o que tinha que acontecer já aconteceu… Pensa como será a semana e organiza a agenda. 

Nem imagina a bomba que vai cair na cabeça na notificação do WhatsApp e a triste notícia do falecimento de Gilson Ricardo. Como assim? A alegria acabou? O humor foi embora? Agora ficam as boas lembranças e as gargalhadas nos corredores das rádio por onde essa “figura” trabalhou. Tomávamos café todos os dias antes dele entrar no ar às 17 horas. Eu com as laudas do “O Globo No Ar” na mão, ele com piadas do dia e mais gargalhadas.  Eu ia ler o noticiário, ele em outro estúdio para iniciar o programa. 

17:05 e o noticiário entregue para todo o Brasil. Vou para o estúdio pegar as laudas do operador enquanto Gilsão começa o programa. Com a intensão clara de tumultuar, inicio uma falsa direção da abertura do programa que ele apresentava. Este é o vídeo: https://youtu.be/9fAZf2fk40I 

Quando ele fala dos “panos”, se refere à uma camisa que eu usava, que segundo ele parecia uma cortina. Esse era o Gilson.  Ruy Jobim

1 visualização0 comentário
bottom of page