top of page

Dia Mundial do Livro

O Dia Mundial do Livro é comemorado em 23 de abril de cada ano, e é um dado muito importante para celebrar a leitura, a escrita e a cultura literária em todo o mundo. Instituído pela UNESCO em 1995, esta data tem como objetivo promover o prazer da leitura e incentivar a reflexão sobre a importância do livro como ferramenta de educação, informação e entretenimento.

Desde a antiguidade, o livro tem sido uma fonte inesgotável de conhecimento e aprendizado, permitindo que as pessoas possam expandir seus horizontes, adquirir novas habilidades, e entender melhor o mundo que as rodeia. Ao longo dos séculos, os livros têm sido responsáveis ​​por grandes mudanças na sociedade, desafiando preconceitos, difundindo ideias e inspirando novas gerações.

Hoje em dia, com a popularização da tecnologia e a experiência dos dispositivos eletrônicos, muitas pessoas questionam se os livros ainda têm um lugar na era digital. Mas a verdade é que os livros nunca foram tão relevantes quanto agora. Embora os meios digitais possam oferecer muitas vantagens, como a facilidade de acesso e a possibilidade de interação, nada pode substituir a experiência tátil e sensorial de segurar um livro nas mãos, sentir o cheiro das páginas e mergulhar na história.

Por isso, é fundamental que celebremos o Dia Mundial do Livro e incentivemos as pessoas a redescobrir o prazer da leitura. Afinal, a leitura não é apenas uma atividade prazerosa, mas também uma forma de desenvolver a empatia, o pensamento crítico e a capacidade de se colocar no lugar do outro. Além disso, a leitura é uma ferramenta poderosa para combater a desigualdade social e promover a inclusão, permitindo que todas as pessoas, independentemente de sua origem ou condição, possam ter acesso à educação e ao conhecimento.

Portanto, neste Dia Mundial do Livro, vamos celebrar a leitura e reafirmar a importância dos livros como um patrimônio cultural da humanidade. Vamos incentivar a leitura em todas as suas formas, seja em livros impressos ou digitais, e conferir o papel que os livros desempenham na formação de uma sociedade mais crítica, criativa e solidária.

Aliás você já leu o livro do Ruy Jobim “O Rádio Era tão Romântico”, solicite por email que enviaremos para você!

1 visualização0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page